Skip to main content
Tratamento para ter filhos pode ser feito até que idade?

Tratamento para ter filhos pode ser feito até que idade?

Quem deseja ter filhos e não consegue de forma natural deve procurar um especialista em reprodução humana o quanto antes. Nos casos de infertilidade já identificados, os procedimentos na área de reprodução humana devem ser realizados no início da vida reprodutiva do casal, de preferência antes dos 30 anos, período em que a reserva ovariana é melhor. As informações são do ginecologista José Higino Ribeiro dos Santos Junior, da equipe do Centro de Reprodução Humana de Piracicaba

A mesma orientação é válida quando há diagnóstico prévio de problemas como endometriose, doenças pélvicas inflamatórias ou homens com baixa contagem de espermatozoides. “Quanto mais novo o casal, os resultados dos tratamentos de alta e de baixa complexidade são melhores”, afirma o ginecologista.

A legislação brasileira limita a idade para os tratamentos. De acordo com a Resolução 2.168/2017 do Conselho Federal de Medicina, a idade máxima das candidatas à gestação por técnicas de reprodução assistida é de 50 anos.

Nos casos de fertilização in vitro, a Resolução também determina o número de embriões a serem transferidos, conforme a idade da paciente. Até dois embriões para mulheres de até 35 anos. Para mulheres entre 36 e 39 anos, até 3 embriões e para mulheres com 40 anos ou mais, até 4 embriões. Nas situações de doação de oócitos e embriões, considera-se a idade da doadora no momento da coleta dos oócitos. O número de embriões a serem transferidos não pode ser superior a quatro.

Quando procurar um especialista em reprodução humana?

O casal que mantém relações sexuais sem proteção durante um ano e não consegue engravidar deve procurar um especialista. Segundo o ginecologista, este tempo deve ser reduzido para seis meses quando a mulher tem 35 anos ou mais.

Conforme estimativa da Organização Mundial de Saúde (OMS), aproximadamente 20% dos casais têm problemas de infertilidade.

Jornalistas responsáveis: Flávia Paschoal/Marisa Massiarelli Setto – Toda Mídia Comunicação

DR. JOSÉ HIGINO RIBEIRO DOS SANTOS JUNIOR
Ginecologista | CRM 80.719

• Formado em Medicina pela Unicamp
• Especialista em videolasparocopia e videohisteroscopia pela Febrasgo
• Coordenador da residência médica de ginecologia da Irmandade Santa Casa de Misericórdia de Limeira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *