Skip to main content
Nossa equipe traz novidades do 22º Congresso Brasileiro de Reprodução Assistida

Nossa equipe traz novidades do 22º Congresso Brasileiro de Reprodução Assistida

Inovações em pesquisas, técnicas e tratamentos em reprodução humana foram apresentados durante o 22º Brasileiro de Reprodução Assistida, realizado em agosto em Brasília, sob a organização da Sociedade Brasileira de Reprodução Assistida. O Centro de Reprodução Humana de Piracicaba participou do encontro, representado pelos ginecologistas Ernesto Valvano e Paulo Padovani e pela bióloga Elianna Suganuma.

“Fazemos questão de participar deste encontro anual desde que o Centro de Reprodução Humana de Piracicaba foi criado, há dez anos”, afirmam os ginecologistas Paulo Padovani e Ernesto Valvano. Para eles, esta é uma das formas de manter a equipe atualizada com o que há de mais moderno na área. “Praticamente todos os temas do nosso dia a dia foram discutidos, revistos, analisados do ponto de vista de estatísticas, pesquisas e experiências, de forma a melhorar o resultado dos procedimentos”, detalham.

O Congresso reuniu, durante quatro dias, mais de 800 participantes, entre médicos, biólogos, enfermeiros, psicólogos, embriologias e demais profissionais da saúde. Contou com a participação de 17 palestrantes de renome internacional, de países como Espanha, Chile, Inglaterra, Argentina, Israel, Estados Unidos e Bélgica.

Um dos destaques do primeiro dia foi a mesa redonda sobre a Personalização da Indução Ovariana, coordenada pela presidente da Sociedade Brasileira de Reprodução Assistida, a ginecologista Hitomi Nakagawa. “Cada mulher é única, tanto pela sua história de vida, como pela sua história genética. E desse modo, também devemos tratar de forma personalizada cada mulher que recorre à reprodução assistida. Individualizar o ciclo e personalizar o atendimento, faz com que obtenhamos os melhores óvulos, resultando nos melhores embriões”, destacou.

Os temas discutidos incluíram diagnóstico pré-implantacional, pesquisas relacionadas à genética, aperfeiçoamento das técnicas de implantação embrionária e indução da ovulação, análise detalhada do espermograma, utilização de substâncias para melhorar a qualidade do óvulo e as respostas nos tratamentos, entre outros. Também foram apresentadas tecnologias de ponta destinadas às clínicas de reprodução assistida. (com informações da assessoria de imprensa da Sociedade Brasileira de Reprodução Assistida)

Jornalistas responsáveis: Flávia Paschoal/Marisa Massiarelli Setto – Toda Mídia Comunicação

DR. PAULO ARTHUR MACHADO PADOVANI
Ginecologista | CRM 39.536

• Formado pela Faculdade de Medicina de Jundiaí
• Pós-graduado lato-sensu pela Faculdade de Medicina de Jundiaí e Associação Instituto Sapientiae
• Especialista em ginecologia e obstetrícia, e habilitação em laparoscopia
• Membro efetivo da Sociedade Brasileira de Reprodução Assistida
• Possui título de Capacitação em Reprodução Assistida emitido pela Sociedade Brasileira de Reprodução Assistida

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *